Análise – ‘Fifa 17’ consegue ser inovador na medida certa

Postado em

Categoria: Artigos, Games, PC, PS3, PS4, Review, Xbox 360, XBOX ONE

Compartilhe:

Fugindo das conveniências recorrentes em lançamentos da categoria, o novo título da franquia FIFA nos games chega com um gosto ainda mais doce que os antecessores – e não é por menos: onde há espaço para inovações, há sempre um motivo para conferir.

POST_SAIBAMAIS

É sabido que modos de história sempre estiveram no redemoinho de games de esporte de alguns anos pra cá, propondo uma empatia maior entre o jogador e o personagem que em muito dos casos está em uma jornada para ser o “melhor esportista” de sua categoria, muitos deles não chegam a realmente encantar, e ‘morrem na praia’. Mas… e se tal modo fosse realmente bem produzido?

Desenvolvido pela EA Canada e tomando vantagem do famoso motor gráfico Frostbite, conhecido por fazer parte de títulos da série Battlefield e até o recente Star Wars: Battlefront que conta com a versão mais atualizada da engine (Frostbite 3) – Fifa em sua versão 2017 não sofreu grandes alterações em sua jogabilidade, embora de cara tenhamos percebido visivelmente uma grande melhoria gráfica que resulta inicialmente em iluminações mais ricas, estádios mais vivos (desgaste de campo), além de jogadores cada vez mais críveis. Em determinados momentos é possível notar o cansaço dos jogadores em campo, sendo necessário até mesmo substituí-los.

Lançamentos e chutes estão mais técnicos – onde cada jogador precise obter tais características para bons lances. O mesmo pode ser dito sobre os dribles, que estão mais difíceis de serem realizados – porém  mais prazerosos.

Se em nossa análise de PES 17 constatamos que uma da grandes novidades foi a implementação e refino de animações, movimentos e expressões faciais – podemos reforçar que o mesmo foi feito aqui, uma vez que FIFA pode ser considerado um dos panteões dos jogos de futebol da atualidade, toda equipe de desenvolvimento reforçou tudo aquilo que os jogadores adoram na fórmula – e o resultado não poderia ser diferente: muita qualidade.

Uma jornada longa e satisfatória

fifa-1

Falar sobre jogos de futebol sempre nos coloca em grandes ciclos de repetição onde, embora existam novidades – nem sempre elas são significativas – se resumindo em mais ligas, modos mais do mesmo e convenções tradicionais do gênero.

Entretanto, nem só de clichês vive FIFA 17 – e isso é provado com seu mais novo modo The Journey:

Neste modo incorporamos Alex Hunter, um adolescente de 17 anos que almeja viver o grande sonho de se tornar um jogador de futebol profissional. Com cenas cinemáticas exclusivas e uma narrativa própria durando cerca de 16 horas contendo opções de diálogos únicos e uma história autêntica que levará Alex até o concorrido campeonato inglês Premier League, The Journey provou ser o mais próximo de uma campanha envolvente que um jogo de esporte já conseguiu – e definitivamente isso conta ponto.

(The Journey só está disponível para Playstation 4, Xbox One e PC)

Futebol de qualidade

Com a responsabilidade de trazer aos jogadores um futebol cada vez mais crível, envolvente e atualizado, Fifa 17 também incorpora a famosa atualização semanal, onde o título adapta e atualiza informações dos jogadores reais durante seus respectivos campeonatos – algo que infelizmente não inclui o campeonato brasileiro.

Dentre os modos de jogo disponíveis, temos o famoso  Ultimate Team – com atualizações semanais de pacotes de cartas para melhorar seu time e vencer seus adversários online. Outro modo que chama atenção é o de Treinador, onde você escolhe seu time e pode gerencia-lo, contratando jogadores e vencendo os campeonatos. Caso você queira voltar às raízes com o tradicional Modo Carreira, ele está totalmente disponível onde o jogador gerencia a carreira de apenas uma atleta, recebendo propostas de times e evoluindo durante o gameplay.

Narração

A narração continua firme e forte com Tiago Leifert e comentários de Caio Ribeiro como informado antes do lançamento. A versão em português do Brasil possui muitas linhas novas de fala, ficando atrás apenas da versão em inglês do jogo; notamos que sempre que jogamos, temos um comentário diferente surgindo durante a partida tornando cada partida uma experiência singular.  No modo The Journey, as falas são adaptadas resultando em citações bem encaixadas de jogos anteriores e algumas informações pertinentes para dar continuidade à narrativa.

Vale a pena?

Se você já era fã da série FIFA a resposta é: sem dúvida! Com melhorias em relação às versões anteriores além do belíssimo modo The Journey – o game é a chance perfeita para até mesmo quem nunca deu chance para títulos de futebol. Tecnicamente belo e visualmente impressionante, FIFA 17 nos provou que há sim onde melhorar e evoluir num gênero que parece se manter no convencional.

COMENTÁRIOS

Loading Facebook Comments ...