Análise – ‘Pro Evolution Soccer 2018’ está divertido mas peca nas licenças de times

Postado em
Atualizado em

Categoria: Games, PC, PS4, Review, XBOX ONE

Compartilhe:

PES é uma franquia que vem de muitas gerações da empresa japonesa Konami, em sua versão 2018 melhorou o gameplay mas ainda peca em alguns pontos.

Gráficos

Vamos começar pelo visual, os jogadores estão em um nível de detalhes muito bom, os gráficos deste ano estão mais aprimorados, os estádios licenciados como exemplo o São Januário e também o estádio do Palmeiras, Allianz Park, estão muito bem detalhados, muito próximos do real, a série A inteira do Brasileirão está licenciada e o time do Inter também. Na parte brasileira está bem estruturado, mas alguns gigantes Europeus, principalmente do campeonato inglês, ficaram apenas os jogadores com as faces e atributos oficiais, deixando de lado uniforme, nome etc. Isso se torna um pouco frustrante, mas é possível contornar essa situação com alguns arquivos que você instala em seu console de forma fácil e rápida, mas nada como já vir no jogo final esse tipo de informação.

Visualmente os menus estão muito parecidos com a versão 2017, mudaram apenas as cores, a disposição estão bem próximas das já vistas anteriormente, se você já está acostumado com os menus das versões anteriores, não terá problema na mais atual.

Durante o jogo, os gráficos estão bem bonitos, com cores fortes nos gramados, diversas faces licenciadas, mesmo de jogadores não tão conhecidos, desde o seu lançamento, a Konami liberou diversos patchs que aumentaram a biblioteca de faces licenciadas do jogo, vamos citar mais disso quando comentar da Master League. Mudaram também a parte visual do game, que antes tinha o Neymar em todo canto com a camisa do Barcelona, depois da última atualização, foi removido por completo, mas não pense que o jogador perdeu atributos apenas porque trocou de time, ele ainda é um dos melhores do game, sem sombra de dúvidas.

Vale lembrar que testamos a versão de Playstation 4 do game, nela não tivemos problemas no quesito queda de frames ou problemas visuais, o jogo está rodando muito bem nesta plataforma. Algumas animações foram adicionadas em relação a versão passada, como exemplo algum jogador defensor que correr abrindo muito os braços e pode acertar o rosto do atacante, ele cai e aí acontece uma falta, antigamente esse tipo de animação não existia, achamos um ponto legal de comentar, já que conseguimos mudar o destino de algumas partidas por causa dela.

Narração e som

A narração da versão 2018 fica novamente com Milton Leite e comentários de Mauro Beting, este é um ponto negativo, não pela narração em si, mas sim pela quantidade de falas disponíveis pelas vozes brasileiras, elas são muito rasas e você vai escutar os bordões de Milton Leite com uma certa repetição, algumas jogadas que acontecem durante a partida, não condiz com as falas, isso se repete enquanto você joga ao menos umas duas horas seguidas, mas temos uma opção sensacional, Jon Kabira está disponível para você poder escolher para narrar com toda aquela energia que estamos acostumados desde a época áurea do Winning Eleven, uma boa opção para este ponto do jogo.

A trilha sonora do game é muito boa, as músicas durante seu passeio no menu do game são muito bem escolhidas e algumas delas podem até parar em uma playlist particular sua.

Modos de Jogo

PES sempre vem com praticamente os mesmo modos de jogo, isso é ruim? Não, mas existem dois modos que são extremamente divertidos, um deles é o já conhecido Master League, onde você administra o clube, contrata e vende jogadores, treina etc.

Este é o modo que mais jogamos, aproveitar as atualizações das janelas de transação real e incluir elas na sua temporada é extremamente divertido, este é um dos modos que mais duram no game, isso para nós, sabemos que tem outro que as pessoas gostam bastante, já vamos falar dele. Referente a Master League, nela foram introduzidas novas animações, no último patch também chegaram algumas novas, lembre sempre de atualizar seu jogo, vale bastante a pena, administrar seu clube é algo muito bacana, mesmo pecando em algumas partes pois pode se tornar repetitivo até certo ponto, mas não tira o mérito deste modo de jogo que está presente desde o Playstation na série Winning Eleven.

Outro modo bastante jogado do game, é o My Club, nele você escolhe um uniforme, contrata um técnico e vai utilizando a moeda virtual do game para abrir as bolas e torcer para cair um jogador raro ou algo do tipo, nele você enfrente o PC, mas a graça mesmo está no modo online, nele você começa lá embaixo, mas vai aumentando a cada partida que você vence, ou desce a cada derrota também. Este modo é bacana pois a Konami te ajuda na parte de acumular pontos, você não precisa demorar demais para adquirir jogadores novos, o fato de gastar dinheiro real, fica a seu critério, mas não achamos fazer isso extremamente necessário, conseguimos montar uma equipe muito boa apenas com os eventos que são atualizados toda semana e também com as vitórias dentro do modo. Vale acompanhar semanalmente pois os tipos de jogadores disponíveis muda a cada atualização. Estão disponíveis neste modo as Lendas, vários jogadores de décadas passadas para incluir em seu time, tivemos a sorte de tirar o hermano Maradona nos seus tempos áureos, o baixinho corre pra caramba dentro de campo.

Ponto importante a ressaltar deste modo My Club é a qualidade das partidas online, ano passado era difícil até mesmo encontrar adversários, por enquanto não tivemos problemas neste lado, não sofremos com o lag durante o jogo e muito jogadores não abandonaram a partida no meio apenas por estar perdendo, este ponto veremos com o decorrer dos meses.

Existem também dois campeonatos divertidos para jogar e acumular pontos e para pegar o jeito de alguns times, os modos da Champions League, que está totalmente licenciada no game e também o da Libertadores, vale a pena escolher um time e jogar o campeonato inteiro pois a temática está muito boa, com animações exclusivas destes campeonatos, mudança nas informações da tela, entre outras mudanças, vale a pena aumentar as conquistas do game com estes modos, deu para conhecer várias jóias para utilizar nos outros modos como a Master League por exemplo.

Vários times estão realizando parceria diretamente com a Konami, no intuito de liberar as faces, atributos, uniforme, estádio entre outras informações, então podemos ter várias surpresas no decorrer da vida útil do game.

vale a pena?

Existe aquela guerra quando o assunto é jogos de futebol, principalmente aqui no Brasil, PES evoluiu em diversos fatores que vale o teste a todo fã deste esporte mais amado em nosso país, o game é divertido, mesmo com alguns probleminhas encontrados, e notamos que a Konami está sim correndo para melhorar, criar parceria com times entre outras coisas. PES 2018 vale sim uma chance pois o jogo está divertido.

Nota 7,5/10

COMENTÁRIOS

Loading Facebook Comments ...