Saiba+ | Origem e histórias obscuras da Capitã Marvel

Postado em
Atualizado em

Categoria: Quadrinhos

Compartilhe:

Com a chegada de Capitã Marvel na última quinta-feira (7), estrelando Brie Larson no papel principal, reunimos algumas informações sobre esta personagem tão importante e poderosa do universo Marvel!

Símbolo do movimento feminista da década de 70, Carol Danvers se alistou para o exército aos 18 anos de idade. Se destacou por sua inteligência e ótimo físico, e logo alcançou a posição de Major da Força Aérea dos Estados Unidos.

O início

Em 1968, fez sua primeira aparição nos quadrinhos em Marvel Super-Heroes #13, trabalhou ao lado de Mar-Vell (Capitão Marvel), em uma missão da NASA, onde após ocorrer um acidente com um maquinário kree, Danvers é exposta a uma mutação a nível molecular se tornando híbrida de humana com a raça alienígena.

Porém, não ciente de suas capacidades, Carol desenvolve duas personalidades: uma preservando seu lado humano civil, e a outra combatente do crime como uma super-heroína, agindo assim como duas personas sem conhecimento de ambas. Eventualmente, Danvers acaba se entendendo com seu lado poderoso e assim surge Ms. Marvel, que luta ao lado de Capitão Marvel enquanto trabalha com J. Jonah Jameson (no Woman Magazine, um selo a parte do Clarim Diário) e lutava por direitos iguais.

Caso de estupro?

Em uma das histórias mais controversas da heroína (Vingadores #200, de outubro de 1980) roteirizada por David Micheline, Ms. Marvel é sequestrada e estuprada por Marcus Immortus para dar luz ao seu filho que seria… ele mesmo, com intuito de fugir do limbo. Porém, não tendo sucesso, Marcus é forçado a voltar ao limbo e Carol, ainda “apaixonada”, o acompanha e permanece lá por um ano. E para piorar ainda mais a situação:  Os Vingadores não fizeram nada para ajudá-lá.

Não acabando por aí: após toda essa confusão, que gerou polêmica para a Marvel na época (e com razão), anos depois Ms. Marvel volta para a terra e se integra a equipe dos X-Men. Nesse período, entra em uma briga com a mutante Vampira, que rouba suas memórias, emoções e completamente seus poderes a deixando em estado vegetativo. Professor Xavier ajuda Carol com suas memórias e deixa de ser Ms. Marvel, trabalhando como piloto para a equipe.

EXTREMAMENTE PODEROSA

Anos após, em 1982 precisamente, em uma batalha contra a Ninhada novamente uma mutação ocorre em seu DNA despertando seus poderes, que agora são ainda maiores, se tornando assim: a Binária (Uncanny X-Men # 164)Binária era uma entidade cósmica tão poderosa que possuía os poderes de um buraco branco, se movia na velocidade da luz, criava luz, energia, radiação e podia controlar a gravidade. Nesse período lutou ao lado dos Piratas Siderais e dos X-Men. Porém seus poderes com o tempo foram diminuindo; tempos depois, Binária adotou o codinome Warbird e se juntou novamente aos Vingadores – porém, com diversos problemas envolvendo alcoolismo gerados por sua perda de poderes e memória.

Nesse período difícil, Warbird quase foi expulsa do grupo de heróis por conta de seu vício, e, quem ajudou passar por esse processo foi Tony Stark que também já havia lutado contra o alcoolismo no passado. Se recuperando dessa fase, começa a ser chamada pelo que conhecemos hoje como Capitã Marvel e adota um novo uniforme produzido pelas indústrias Stark.

Desse ponto em diante, a Capitã Marvel tornou-se a tão icônica personagem liderando se tornando Comandante da estação espacial Nova Tropa Alfa.

Poderes:

  • Superforça.
  • Super resistência.
  • Resistência à maioria das toxinas e venenos.
  • Indestrutibilidade.
  • Excelência no combate corpo-a-corpo.
  • Voo (ultrapassa a velocidade do som).
  • Habilidade psíquicas.
  • Absorção e manipulação de energia.
  • Explosões fotônicas.

O longa solo da super-heroína já está em cartaz nos cinemas de todo o Brasil

COMENTÁRIOS

Loading Facebook Comments ...
Very Traffic