Análise – ‘Starlink: Battle for Atlas’ Nova aposta espacial da Ubisoft

Postado em
Atualizado em

Categoria: Games, Nintendo Switch, PC, PS4, Review, XBOX ONE

Compartilhe:

A Ubisoft lançou muitos jogos de franquias diferentes em 2018, trouxe também uma sobre o espaço, confira o que achamos das batalhas espaciais da mais nova aposta da Ubi chamada, Starlink: Battle for Atlas.

Starlink foi uma surpresa, principalmente a versão de Nintendo Switch onde é possível jogar com Fox da famosa franquia Star Fox, o jogo pode ser jogado com as miniaturas, que você troca as partes da nave e ela muda automaticamente no jogo, mas não é obrigatório a utilização deste acessório. Você faz parte da equipe Equinox, que luta contra o tirano Grax e sua Legião Esquecida, parece clichê mas as peças se encaixam durante o sua jornada para livrar a galáxia de todos estes problemas.

Gráficos e Gameplay

Jogamos no Playstation 4 e gostamos do visual “cartunesco” que Starlink traz, com uma narrativa não tão empolgante mas o visual do espaço, personagens e das naves são muito bons. O jogo flui de uma forma sensacional, durante as batalhas, seja no espaço ou até mesmo em um planeta, a mecânica de personalização das naves, faz toda a diferença, já que alguns inimigos possuem fraqueza em certos tipos de disparos, a estratégia é parte vital para se dar bem no game, mesmo que o desafio não seja muito alto, a diversão, principalmente aos amantes de temas espaciais, está garantida.

Cada personagem possui poderes únicos, no inicio da jornada você escolhe o seu favorito para iniciar a aventura, os comandos são rápidos, você tem que estar alertar, principalmente nos conflitos no espaço, onde uma nave veloz faz toda a diferença. Outro ponto interessante, é que se você for derrotado, precisa gastar dinheiro para reaver a sua nave, senão tem que escolher uma nova para voltar ao combate. Coletar materiais durante a jogatina também é indispensável, para realizar upgrades nas naves e também melhorar seu personagem.

A Ubisoft criou um mundo com cores ricas e gráficos simples, uma combinação boa e agradável aos olhos, se procura um jogo com gráficos ultrarealistas, não vai encontrar isso em Starlink, mas como citado no início do texto, gráficos cartunescos formam todo este universo. É inegável a semelhança em alguns pontos com o No Man’s Sky, na parte de exploração de planetas e nas viagens interplanetárias, temos algo bem parecido, mas isso para por aí, fique tranquilo que Starlink não traz a mesma experiência de NMS.

O Sistema estelar de Atlas, possui 7 planetas alienígenas para visitar, cada um com sua característica, o game traz uma campanha não muito longa mas divertida. O foco fica sem dúvida na exloração, realizar upgrades tanto na nave principal Equinox quanto na sua de batalha é primordial, alguns dos upgrades ajudam também na exploração entre os planetas, viagens rápida entre outras vantagens.

Starlink foi criado além do jogo, sua linha de toys, maioria vendida lá fora e por enquanto, sem notícias de chegar ao Brasil, mas achamos inteligente do jogo não depender totalmente destes acessórios, já que tivemos uma experiência boa no universo de Starlink, vale lembrar que você não pode cair de cabeça neste jogo achando que será o divisor de águas em jogos interplanetários, mas o game diverte, tudo que a Ubi apresentou sobre ele, foi entregue aqui, mesmo os 7 planetas sendo diferentes entre si, o escopo das missões são bem similares, ir de um ponto a outro do planeta, sempre explorando em busca de itens para entregar a alguém para reformar alguma base ou nave, isso é ruim? Não na nossa opinião, se você for aquele jogador que adora explora, este jogo vai te divertir por algumas horas sim, se você tiver a chance de testar junto com os toys, terá a experiência completa, principalmente aos colecionadores.

O áudio está em inglês e legendas em português do Brasil, muitas pessoas podem achar este um quesito negativo, mas temos que levar em consideração que este não é um projeto com a grandiosidade de um Assassins Creed novo por exemplo, o foco não ficou com a internacionalização do game, as legendas foram muito bem implementadas e fazem o trabalho durante toda aventura.

O foco desta nova série não é apenas o game em si, mas o conjunto que também será vendido separadamente de toys e colecionáveis.

Vale a Pena?

Starlink: Battle for Atlas é um jogo divertido e que você consegue ter uma boa experiência mesmo sem os toys, que foram bem importantes na apresentação do jogo, se você for fã de Star Fox, pegue a versão de Switch que a diversão será garantida, vale lembrar que este é um jogo simples com foco na diversão e interação com os produtos reais que foram feitos para ele, se você for fã de temas com exploração espacial e quer algo novo nesta categoria no final de 2018, esta nova aposta da Ubisoft pode ser a sua escolha.

Nota: 7,0

COMENTÁRIOS

Loading Facebook Comments ...
Website Traffic